O Questões Grátis disponibiliza mais de 600 MIL questões, de forma GRATUITA e SEM LIMITAÇÕES.

Instale o App Questões Grátis e estude melhor! No App você pode salvar os filtros, gerar estatísticas, e muito mais. Os botões para baixar o App se encontram no topo do site.

Logo abaixo você encontra milhares de questões. Para refinar sua busca, aplique os filtros desejados (buscar por disciplina, banca, cargo, ano...). Caso deseje excluir os filtros, clique em “Limpar Filtro”.

Para estudar, aplique os FILTROS abaixo:

Imagem 004.jpg

A frase do texto que, ao ser reescrita, mantém o respeito às regras de concordância e, em linhas gerais, o sentido original é:

Date: 28/05/2018

Gabarito E

 

 

 

Quando o verbo HAVER tiver o mesmo significado do verbo TER ,será flexionado..

 

 

 

Ex:

 

 

As obras e seu respectivo valor teriam de ser avaliados na medida da importância do tema tratado.

 

 

 

Date: 28/05/2018

Só para complementar o comentário anterior.

 

a) Frase sem clareza. E o verbo "existir", como substitui o verbo "haver" na frase original, deveria estar empregado no plural.

 

b) O verbo "poder" deveria estar no singular. De igual modo, o verbo "suscitar".

 

c) O verbo "assentar" deveria estar no plural.

 

d) Verbo "fazer" quando expressa tempo transcorrido é invariável.

 

 

Date: 28/05/2018

O verbo haver quando auxiliar será "influenciado" pelo verbo principal.

Assim, se o verbo principal pode ser flexionado no plural, o verbo auxiliar, no caso, haver, poderá flexionar.

 

Curiosidade: Se o verbo haver for o principal, "influencia" o verbo auxiliar, que nao irá flexionar.

 

Date: 28/05/2018

Não entendi o erro da letra b, alguém poderia me explicar?

Date: 28/05/2018

Crislene, o núcleo do sujeito na oração a que pertence a locução verbal "pode ser suscitado" é o substantivo "gama" ("Uma gama de estados de espírito"). Como o verbo concorda com o núcleo do sujeito, a locução verbal deveria estar no singular. Por isso, a assertiva está errada.

 

Só para complementar... o trecho "que não sabemos nomear" é uma oração adverbial adjetiva restritiva. O sujeito dessa frase é oculto ("Nós não sabemos nomear").

 

Espero ter ajudado.

Date: 28/05/2018

Não entendo o erro da letra B:

"Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz."

Segundo o prof. Odilei frança: o vbo concorda com o nucleo do seu sujeito. Em caso de haver 2 substantivos, e o nycleo do suj, for um termo coletivo, e o segundo for PREPOSICIONADO, poderá concordar com um ou com outro caso não provoque mudança de sentido.

EX: Uma grade parte dos alunos RECLAMOU/RECLAMARAM da prova.

Será que "uma gama" não é um termo coletivo? Felipe pode me ajudar?

 

 

Date: 28/05/2018

Amigo eu não estou entendo é mais nada , quando penso que entende, ai é que eu não entendi nada. Nossa não estou conseguindo assimilar o conteúdo, já não sei mais o que fazer.

Date: 28/05/2018

Questionei uma professora de português e ela me explicou que a alternativa B está gramaticalmente correta.

Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.`

gama é um termo coletivo. Assim, o verbo pode concordar com ele ou com o especificador (estados de espírito). Temos então: uma gama de estados de espírito podem ser suscitados. No entanto, o erro dessa alternativa é que essa frase está sem clareza e não está de acordo com o sentido original do texto. Nesse caso, há que fazer uma leitura acurada do texto.

A alternativa E é, portanto, a mais correta.

Date: 28/05/2018
Date: 28/05/2018

ERRO DA LETRA B

UMA GAMA-------------------------------- SUSCITADOS, DEVERIA SER SUSCITADAS

Date: 28/05/2018

questão cheia de comentários: usando o raciocinio logico : todo mundo errou.

Date: 28/05/2018

Que questão chata, a banca podia pelo menos ter relacionado no texto onde estão as frases transcritas, vamos a elas então:

A- Outra descoberta foi a de que também existia na figuração de um motivo em que estivesse ausente o ser humano alguns valores profundos.
Linha 7 - Descobriu-se também que havia alguns valores profundos na representação de um motivo que não enfocasse o ser humano.

B- Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.

Linha 5 - Com o tempo tornou-se claro que uma cena da vida cotidiana, uma paisagem ou natureza morta poderiam constituir uma grande pintura tanto quanto uma imagem da história ou do mito.

C- É numa concepção de humanidade modificada ao longo do tempo que se assenta noções relativas a uma dimensão humana da arte.

linha 1 - A ideia de uma dimensão humana da arte repousa numa concepção de humanidade que sofreu modificações ao longo do tempo.

D- Não fazem muitos anos que na grande arte só se podiam admitir temas heroicos, míticos ou religiosos.

linha 2 - Não há muito, apenas o heroico, o mítico e o religioso eram admitidos na grande arte.

E- As obras e seu respectivo valor haviam de ser avaliados na medida da importância do tema tratado.

linha 3 - dignidade de um trabalho se media em parte pela importância de seu tema.

Date: 28/05/2018

gente para de neurose. A letra b pode até estar gramaticalmente correta, mais o que o enunciado pede é: "além do respeito às regras de concordância, o sentido original do texto".

Date: 28/05/2018

Mais um tentativa de explicação (hehehe):

Transpondo a frase: O homem produz uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força.

O que pode ser suscitado? Resposta: uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear. O sujeito é uma oração (sujeito oracional), logo a flexão da segunda oração fica no singular.

Pode ser suscitado...

Date: 28/05/2018

Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.

As frases estão com um problema de concordância entre elas. Com o mesmo sujeito: "Uma gama de estados de espírito"

Date: 28/05/2018

Não, pessoal. Caso haja algum erro na letra B, este com certeza não reside no campo gramatical.

"Uma gama de estados (...)" --> Temos aqui uma expressão partitiva seguida de substantivo no plural; ora, de acordo com a gramática normativa, nestes casos a concordância verbal/nominal pode ser feita tanto no singular como no plural. Logo, não há que se apontar o erro no fato de os verbos terem sido flexionados no plural.

**Gramaticalmente:

"Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz." (CORRETO)

"Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, pode ser suscitada pelos artefatos e signos que o homem produz.." (CORRETO)

Date: 28/05/2018

Letra B

"Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, pode ser suscitada pelos artefatos e signos que o homem produz..." (CORRETO)

Date: 28/05/2018

As obras e seu respectivo valor?

como assim?

O certo é: As obras e seus respectivos valores.

A letra E não pode está certa.

Date: 28/05/2018

As obras e seu respectivo valor?

como assim?

O certo é: As obras e seus respectivos valores.

A letra E não pode está certa.

Date: 28/05/2018

GABARITO: E

e) As obras e seu respectivo valor haviam de ser avaliados na medida da importância do tema tratado. CORRETA - "As obras" concordam com "haviam"

Date: 28/05/2018

Concordo com o Paulo Henrique

Deveria ser: as obras e seus respectivos valores.

cade a concordância nominal?

Date: 28/05/2018

Concordo com o César,pois, para identificar se a concordância de uma VERBO está adequada, devemos procurar SUJEITO da frase.

VERBO- HAVIAM

SUJEITO- AS OBRAS

Date: 28/05/2018

Na verdade amigos, na letra A não existe nenhum erro de escrita, e sim, de sentido da frase.

No vídeo a própria professora fala, não existe erro na escrita, mas a frase está totalmente sem pé e cabeça a letra A

Date: 28/05/2018

SERÁ QUE ESTOU LENDO O MESMO TEXTO QUE VOCÊS?

ACHEI NADA COM NADA.


Date: 28/05/2018

Ainda bem não fui o único a ter problemas com essa questão.
Força guerreiros.


Date: 28/05/2018
  • Outra descoberta foi a de que também existia na figuração de um motivo em que estivesse ausente o ser humano alguns valores profundos.

errado,pois o verbo existir deve flexionar,pois deve concordar com 'alguns valores"

  • b) Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.

errado,pois contem uma preposição em "Uma gama de estados " ,logo,o verbo "podem"deve concordar com "uma gama"

  • c) É numa concepção de humanidade modificada ao longo do tempo que se assenta noções relativas a uma dimensão humana da arte.

o verbo assenta deve flexionar,pois deve concordar com "noções relativas"

  • d) Não fazem muitos anos que na grande arte só se podiam admitir temas heróicos, míticos ou religiosos.

errado ao extremo,pois o verbo "fazer" no sentido de tempo decorrico,temperatura não varia

  • e) As obras e seu respectivo valor haviam de ser avaliados na medida da importância do tema tratado.

certo,pois o verbo haver não esta no sentido de existir ou ocorrer,logo,ele varia

Date: 28/05/2018

e) As obras e seu respectivo valor haviam de ser avaliados na medida da importância do tema tratado.

Date: 28/05/2018

Haver será impessoal quando teráo sentidode existir, porém na letra E, não está nesse sentido, logo concordará com o sujeito

Date: 28/05/2018

eu não sei aonde esta o erro na alternativa B


Date: 28/05/2018

Richelli "Podem " não concorda com o núcleo " Uma gama ".


Date: 28/05/2018

verdade!! na letra B o núcleo ''gama'' não concorda com a FLEXÃO do verbo.

Date: 28/05/2018

A frase (b) Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.

reescreve o seguinte trecho do texto:

(Os signos e marcas que o homem produz) podem ainda suscitar estados de espírito inomináveis, e mesmo assim, portadores de uma enorme força.

Ou seja, não mantém o respeito ao sentido original. Aquele "apesar de" não reproduz corretamente o sentido do "mesmo assim" original (não vejo concessão na frase original, aliás não há contraposição entre ser inominável e possuir enorme força.

Date: 28/05/2018

por eliminacao a E eh correta, mas a palavra gera ambiguidade e superficialidade na interpretacao. Passivel de recurso , pela palavra nao dar um sentido concreto ao texto.

Date: 28/05/2018

Alguém sabe explicar o porque da frase "As obras e seu respectivo valor" estar correta?

Date: 28/05/2018

Alguém sabe explicar o porque da frase "As obras e seu respectivo valor" estar correta ?

Não seria "As obras e seus respectivos valores" ?

Date: 28/05/2018

Valor é único

Date: 28/05/2018

Assistam ao vídeo e tirem suas dúvidas. Excelente a explicação!!!!!!!!!!!!!

Date: 28/05/2018

TENTANDO ESCLARECER A LETRA B

Como já foi indicado, quando há núcleo coletivo/partitivo seguido de especificador no plural (Uma gama + de estados), o verbo admite dupla concordância (singular e plural), portanto o erro não está em "podem", nem em "ser suscitados".

Meu palpite é de que o erro está na regência do verbo "nomear". Ele serve tanto como VTD e VTI, mas talvez nesse contexto o mais adequado seria funcionar como VTI (nomear a algo, ou a alguém), e nesse caso, deveria ser adicionada uma preposição antes do pronome relativo QUE. Ficando então:

"Uma gama de estados de espírito a que não sabemos nomear, ..."

Isso é fortificado se considerarmos o sentido da palavra "inominável" no texto, que tem valor pejorativo (não apenas algo que não sabemos o nome). Pesquisando no google, vi que a definição mais própria da palavra inominável nesse sentido é "a que não se quer dar nome por considerações de ordem estética ou lógica ou porque é demasiadamente abjeto, vil para ser nomeado; horroroso, péssimo." -- COM PREPOSIÇÃO.

Portanto, acho que o erro seria esse.

Date: 28/05/2018

O ERRO DA ALTERNATIVA "B" É QUE O VERBO "PODER" ESTÁ NO PLURAL, MAS ELE CONCORDA É COM O ESPÍRITO DE "ESTADO DE ESPÍRITO"

Uma gama de estados de espírito que não sabemos nomear, apesar de sua grande força, podem (PODE) ser suscitados pelos artefatos e signos que o homem produz.

ASSISTAM AO VÍDEO E TIREM SUAS DÚVIDAS!!!!

Date: 28/05/2018
nunca nem vi

Uma pessoa lançou um dado dez vezes. Somando os pontos obtidos em cada lançamento, ela totalizou 14 pontos. Ao longo das dez jogadas, o número mínimo de vezes que essa pessoa obteve a face 1 foi

Date: 28/05/2018

O mínimo de lançamentos de dados com o número 1 fornecido pela questão foi 5 vezes o número 1 ( observando as alternativas). Assim sendo, restam apenas 9 pontos para serem somados com os lançamentos do dado. O menor número que pode ser usado entre os possíveis é o número dois. Fazendo as contas teremos:

1 + 1 + 1 +1 + 1 ( os cinco pontos dados na questão) + 2 +2 +2 +2  ( dá oito, logo precisa de mais um para termos 14). Então fica 1+1+1+1+1+2+2+2+2+1 = 14, pois com qualquer outro número que eventualmente poderia ter sido sorteado no lançamento, precisaria de mais números 1 sorteados.

Não sei se deu para entender direitinho, espero ter ajudado!

Date: 28/05/2018

Meu racícionio foi parecido com o da Taciana, mas vou tentar explicar de outra forma:

a) se o mínimo fossem 5 lançamentos, logo o somatório também seria 5 (5x1=5), como o total tem que dar 14, as cinco (10-5) jogadas restantes só poderiam dar o número 2 ou mais, portanto (5x2=10) a soma seria maior do que 14 (10+5=15). Resposta errada

b) se o mínimo fossem 6 lançamentos, logo o somatório também seria 6 (6x1=6), como o total tem que dar 14, as quatro (10-6) jogadas restantes só poderiam dar o número 2 ou mais, portanto (4x2=8) a soma seria igual a14 (6+8=14). Resposta certa

Uma senhora afirmou que todos os novelos de lã guardados numa gaveta são coloridos e nenhum deles foi usado. Mais tarde, ela percebeu que havia se enganado em relação à sua afirmação, o que permite concluir que

Date: 28/05/2018

Letra A está correta

 

O assunto é cobrado é negação, pois ela se enganou na declaração. A negação é mudança do valor lógico.

A negação da frase “todos os novelos de lã guardados numa gaveta são coloridos e nenhum deles foi usado” é “pelo menos um novelo de lã da gaveta não é colorido ou algum deles foi usado”.

Cuidado!

 A negação de “Todo A é B” = “Algum A não é B”

A negação de “Algum A é B” = “Nenhum A é B” ou “Todo A não

Fonte: http://www.brunovillar.com.br/simulados/concurso/simulado-1-trt-ba-raciocinio-logico-comentado

Date: 28/05/2018

Branco não é cor?

Date: 28/05/2018

kkkkk Leandro 

 

Melhor comentário 

Date: 28/05/2018

p:todos os novelos de lã guardados numa gaveta são coloridos

 

q:nenhum novelo de lã guardado numa gaveta foi usado

 

 

proposição: p ∧ q

 

negação: ∼ p V ∼ q :existe algum (pelo menos um) novelo de lã guardado numa gaveta não é colorido ou alguns novelos de lã guardados numa gaveta foram usados

Date: 28/05/2018

Misericordia...

Date: 28/05/2018

Proposição Categórica Negação

  1. Todo A é B Algum A não é B
  2. Nenhum A é B Algum A é B
  3. Algum A é B Nenhum A é B
  4. Algum A não é B Todo A é B

Todos os novelos de lã guardados numa gaveta são coloridos e nenhum deles foi usado.

Alguns novelos de lã guardados não são coloridos ou alguns deles foram usados.

Date: 28/05/2018

Relação entre todo, nenhum e algum

Afirmação Negação
Todo Algum não / pelo menos um / existem
Nenhum Algum
Algum Nenhum
Date: 28/05/2018

Deve-se negar a afirmaçã

Atenção: As questões de números 6 a 10 referem-se ao texto seguinte.

Imagem 002.jpg

O comentário colocado entre os travessões no 1º parágrafo destaca a

Atenção: As questões de números 1 a 5 referem-se ao texto seguinte.

Imagem 001.jpg

É marketing e é conservacionismo também. (final do 1º parágrafo)

O exemplo referente à indústria de cosméticos retoma em linhas gerais a ideia contida em:

Date: 28/05/2018

Gabarito B

 

 

É marketing e conservadorismo também aproveitar o valor dos seus ativos sem qualquer agressão ao meio ambiente.

Imagem 004.jpg

... beleza criada pelo domínio de forma e cor de que dispunha o pintor.
O verbo empregado no texto com a mesma regência do grifado acima está em:

Date: 28/05/2018

Gabarito A

 

 

Os verbos DISPOR e REPOUSAR são VTI 

 

 

 

Dispor - pede preposição DE

 

Repousar - pede preposição EM (em + uma = NUMA )

 

 

Date: 28/05/2018

Observem que a preposição "de" foi atraída pelo prenome na frase indicada na questão.

de que dispunha o pintor = o pintor dispunha de..

 

Date: 28/05/2018

Frase: ... beleza criada pelo domínio de forma e cor de que dispunha o pintor.

O pronome relativo 'que' da oração subordinada adjetiva restritiva retoma o termo imediatamente anterior ('domínio de forma e de cor'), logo, a 2º oração poderia ser escrita na ordem direta como:

 

O pintor dispunha de domínio de forma e cor.

O verbo DISPOR é transitivo indireto, assim como o verbo REPOUSAR (item B).

Date: 28/05/2018

DISPOR = quem dispõe, dispõe DE alguma coisa...

 

REPOUSAR = quem repousa, repousa EM algum lugar... (EM+UMA = NUMA)

 

 

Lista de preposições (para nunca mais errar esse tipo de questão)

 

PREPOSIÇÕES: (ACDEPST)

 

A = ante, até, após,

C = com, contra

D = de, desde

E = em, entre

P =  para, per, por, perante

S = sem, sob, sobre

T = Trás

 

Date: 28/05/2018

O verbo tornar, na alternativa ''C'' é vtd ?



Date: 28/05/2018

a) A ideia de uma dimensão humana da arte repousa numa concepção de humanidade... VTI

b) A paisagem e a natureza morta também incorporavam a percepção emotiva do artista... VTD

c) Com o tempo tornou-se claro que uma cena da vida cotidiana... VTD

d) ... que havia alguns valores profundos na representação de um motivo... VTD

e) ... na relação com aquilo que o rodeia, nos seus artefatos... VTD

Date: 28/05/2018

Haroldo , o verbo TORNAR é de ligação

Imagem 002.jpg

E isso quando a própria FAO alerta que os preços desses produtos continuarão a subir nos próximos dez anos. E que a produção precisará crescer 70% até 2050, para alimentar os 9,2 bilhões de pessoas que estarão no mundo nessa época. (1o pará- grafo)
Considerando-se a maneira como o autor inicia o segmento transcrito acima, é correto deduzir que se trata de

O principal desafio do gestor envolvido com o planejamento estratégico no nível tático é

Date: 28/05/2018

a) c) e) Planejamento Estratégico (longo alcance): O planejamento estratégico é aquele que define as estratégias de longo prazo da empresa. Este planejamento leva em conta todos os fatores internos e externos a companhia. Quando elaboramos este planejamento procuramos ter uma visão integrada dos processos e da companhia, por que a empresa como um todo entra nesta etapa.

b) Planejamento Tático (médio): O planejamento tático é diferente para cada área da companhia. Esta etapa é mais focada que o planejamento estratégico, que é desdobrado em diversos planos táticos. O planejamento tático é feito de ano a ano e busca otimizar uma determinada área da empresa na busca de um resultado.

 

d) Planejamento Operacional (Curto alcance): O plano operacional coloca em prática cada um dos planos táticos dentro da empresa. Um planejamento operacional deve planejar os prazos, metas e recursos para a implantação de um projeto ou tarefa dentro da empresa. Por ser a última etapa de planejamento, o operacional deve ser um plano mais detalhado que os outros dois, tentando explicar cada tarefa isoladamente.

Fonte: http://adm.esobre.com/planejamento-estratgico-ttico-operacional

Date: 28/05/2018

O principal desafio do gestor envolvido com o planejamento estratégico no nível tático é articular os níveis estratégico e operacional do planejamento.

Date: 28/05/2018

São requisitos legais da relação de emprego e do contrato de trabalho:

Date: 28/05/2018

d) Art. 3º - Considera-se empregado toda pessoa física (pessoalidade) que prestar serviços de natureza não eventual (não eventualidade) a empregador, sob a dependência deste (subordinação) e mediante salário (onerosidade).

Date: 28/05/2018

Requisitos da Relação de Emprego

1 – prestado por pessoa física ou natural

 

2 -  Pessoalidade: 

 

3 - Subordinação  jurídica

 

4 - Não-eventualidade

 

5 – mediante salário (onerosidade)

 

 

Date: 28/05/2018

Não eventualidade do trabalho está com o mesmo sentido de Habitualidade

Não eventualidade = Habitualidade

Date: 28/05/2018

Requisitos da relação de emprego:

MNEMÔNICO : SHOPP

S UBORDINAÇÃO JURÍDICA ( PODE SOMAR-SE A ESTA A SUBORDINAÇÃO TÉCNICA E ECONÔMICA)
H ABITUALIDADE ( REFERE-SE AO CARÁTER NÃO EVENTUAL DA PRESTAÇÃO DE SERVIÇO)
O NEROSIDADE ( CONTRAPRESTAÇÃO = RECEBIMENTO DE SALÁRIO)
P ESSOALIDADE ( A PRESTAÇÃO DE SERVIÇO É DE CARÁTER PERSONALÍSSIMO, OU SEJA, SÓ PODE SER EXERCIDO PELA PESSOA FÍSICA QUE É PARTE NO CONTRATO, RESSALVADAS AS EXCEÇÕES)
P ESSOA FÍSICA ( PESSOA JURÍDICA NÃO PODE FIRMAR CONTRATO DE TRABALHO E NÃO PODE EXERCER PAPEL DE EMPREGADO)


Espero ter contribuído para o enriquecimento intelectual de todos.

No Município AMOR existem duas instituições religiosas: igreja "HARMONIA" e paróquia "SANTA LUZIA". Há, também, uma fundação privada denominada "MÃES DA LUZ", que recebe ajuda das duas instituições religiosas referidas e da autarquia federal "SAÚDE". De acordo com o Código Civil brasileiro, no caso hipotético apresentado, são pessoas jurídicas de Direito Público Interno

Date: 28/05/2018

E - CORRETA

 

art. 41 - São pessoas jurídicas de deireito público interno:

I - a União;

II - os Estados, o DF e os Territórios;

III - OS MUNICÍPIO;

IV - AS AUTARQUIAS, inclusive as associações públicas;

V - as demais entidades de caráte público criadas por lei.

 

No tocante as demais entidades mencionadas na questão tratam-se de pessoas jurídicas de direito privado.

 

Abraço

Date: 28/05/2018

igrejas nao sao considerados pessoas de direito publico assim como os partidos politicos

Date: 28/05/2018

Município AMOR - Pessoa Jurídica de Direito Público Interno - Art. 41, III

Igreja "HARMONIA" - Pessoa Jurídica de Direito Privado - Art. 44, IV

Paróquia "SANTA LUZIA" - Pessoa Jurídica de Direito Privado - Art. 44, IV

Fundação "MÃES DE LUZ" - Pessoa Jurídica de Direito Privado - Art. 44, III

Autarquia federal "SAÚDE" - Pessoa Jurídica de Direito Público Interno - Art. 41, IV


Gabarito: E